sábado, agosto 14

Desejavas rapidamente o meu corpo.

[via weheartit]
O conteúdo deste ou qualquer outro texto desta categoria não é real. Apenas uma representação imaginária de um qualquer sonho. Quem sofrer de tabus, pode ignorar o texto e continuar a ler para baixo. 

Cheguei a casa e abri a porta do quarto como faço todos os dias. Mas desta vez estavas lá tu. Deitada na cama a ver um canal qualquer. Sorriste para mim. E num grande salto, só dei por ti a beijar-me loucamente, puxando-me para dentro, enquanto fechava a porta. Despias-me como se tivesses com o fogo nas mãos. Desejavas rapidamente o meu corpo. Os gritos dados bem baixinho e os gemidos por os botões da camisa não desabotoarem estavam a dar contigo em doida. Eu, lentamente tirei-te a camisola, e transformando as minhas mãos em olhos, tirei-te o soutien que te colocava o peito bem composto no sitio. Beijava-te. Dizia para ter calma, mas parecia que não me ouvias. Querias devorar-me naquele momento. Aproveitando o bom tempo. Tiraste-me as calças com tanta pressa que quase caia para cima de ti. Rias-te do stress que estavas a ter e eu ria-me da tua agilidade. Nunca te tinha visto tão profundamente devoradora de homens como naquele instante.

Peguei-te ao colo, muito depois de o preservativo ter sido colocado no devido lugar, deixei-te deslizar por ele abaixo. Até que quando já o tinhas todo dentro de ti, soltaste um gemido. Novamente, levantei-te dele deslizando e deixando de fazer força por te levantar deixei-te cair sobre ele novamente. Foi assim durante uns 3 minutos até que tremeste de prazer. Sentir-te húmida deixava-me ainda mais excitado. O resto da tarde foi passada assim. Em voltas e mais voltas dadas na cama. Envolvendo-nos num aroma húmido onde as hormonas se juntavam e criavam cheiros que nos aliciavam ao desejo carnal. Mas, se eu soubesse que estavas em casa à minha espera teria vestido uma camisola. Teríamos muito mais tempo. Mas de qualquer maneira, adorei ver-te entretida a falar para os botões. 

20 comentários:

  1. ora :$ eu gosto e por mim, podes bem continuar com estes tipos de texto ;)

    ResponderEliminar
  2. Você escreve com uma classe impressionante, meus parabens, você consegue ser objetivo sem perder a beleza romantica da cena.

    Parabéns...
    Walter

    ResponderEliminar
  3. Não sei se consigo explicar muito bem.
    Apesar de dizeres que não é real, ao ler, eu consigo imaginar todo o desejo e sentimento de dois corpos a moverem-se ao ritmo das tuas palavras.
    E enuncias sexo sem cair na banalidade mas deixando muito presente as marcas de paixão.
    Obrigado por escreveres Pedro *

    ResponderEliminar
  4. Obrigado pelo seu comentário e de fato tenho que concordar com vc contudo acho que alguma coisa mudou um pouco em mim, por isso fiz outro blog para falar de forma mais ousada sobre o que sinto e estou ressucitando esse blog que você leu.

    Obrigado pela dica.
    Se quiser de uma olhada no outro com certeza ele é fala mais de quem sou.

    Até
    Walter

    ResponderEliminar
  5. porque parecem reais e o seu desenvolvimento é muito vulgar :)

    ResponderEliminar
  6. Elá pedro. Está lindo.
    Isso dos botões está fantástico ah ah.
    Keep going ^^,

    ResponderEliminar
  7. "Mas, se eu soubesse que estavas em casa à minha espera teria vestido uma camisola. Teríamos muito mais tempo. Mas de qualquer maneira, adorei ver-te entretida a falar para os botões." - Amei.
    Sabes como mexer com as palavras.

    Elo.

    ResponderEliminar
  8. vulgar como nos textos, nos filmes ou até na realidade ;)
    eu também as adoro x)

    ResponderEliminar
  9. Então escreve mais destes que nós gostamos ;D

    ResponderEliminar
  10. Obrigada eu!
    Apenas tento exprimir-me da melhor forma que consigo.
    Um beijo*

    Elo.

    ResponderEliminar
  11. Bom Dia:
    O FLAMES está a promover um novo passatempo. Participe :)

    ResponderEliminar
  12. Obrigada pela participação e BOA SORTE :)

    ResponderEliminar
  13. Ah, não te esqueças de colocar a imagem no teu blog para a participação ficar completa :)

    ResponderEliminar