quarta-feira, setembro 30

Isto ou o apocalypse


Saudades de uma vida, preenchida, onde lábios para trincar não me faltavam, rabinhos bem redondos e cheiinhos também não me faltavam para lá por a mão e sentir a gordura bem apertadinha entre os meus dedos.

Tudo o que eu queria era a tua maneira de navegar pelos meus oceanos. As tuas velas, a sentir o vento que saía dos meus pulmões. As tua preocupações quando o mar era agitado pelas preocupações do meu coração. Quando choravas na proa do barco, em forma de me fazer chorar também com os teus anseios e tormentos. Sente os meus ventos a levarem-te para terra seca, levantando-te no ar, bem alta, incapaz de tocares na água. Longe de tudo. Momentos para ir, momentos para crescer. Em guerra comigo desde, à muito tempo. Muito do tempo que me conheço. Esqueci a melodia da minha voz, o gosto das minhas lágrimas, tal e qual como as imagens retiradas pelos meus olhos.

Recorda o céu com as nossas nuvens. Eu agradeço-te por ainda não a teres movido.
E agora pergunto-me, o que é o amor? Acredito vivê-lo, quando o encontrar. Vamos partilhar o nosso mundo. Respira a par comigo, desejando-me por mais pedaços curtos com uma enorme satisfação no coração e na ponta dos dedos.

Amar-te é um perigo que estou disposto a correr, para o teu coração preencher.
Todos os dias, em todo o lado aqui estarei para te aglomerar sobre o meu coração.

20 comentários:

  1. ADOREII! esta lindo. espero que tenhas esse grande amor, de novo.

    ResponderEliminar
  2. que palavras essas, acho que qualquer mulher se sente imensamente feliz quando as ouve (:
    adorei!

    ResponderEliminar
  3. pedro adorei! e desculpa estar a ser repetitiva, mas amo todos os teus textos.

    ResponderEliminar
  4. :D
    Hoje é um daqueles dias em que só me apetece gritar o.o

    ResponderEliminar
  5. falar é sem dúvida muito fácil.

    Elo.

    ResponderEliminar
  6. No meio do quarto? Acho que não ia dar bom resultado 8D

    ResponderEliminar
  7. Lutar por quem não me quer ? Não, obrigada.

    Elo.

    ResponderEliminar
  8. Nao consigo gritar para dentro de mim.

    ResponderEliminar
  9. Como todas as mulheres, estou encantada.

    ResponderEliminar