domingo, julho 26

Só de olhar...

Shopping by ~xXxEmoVampirexXx

Com tanto stress tenho de gritar para soltar os ares pesados dos meus pulmões, arranhar toda a garganta que permanece muda desde o dia em que decidimos acabar com as pancadas nos nossos corações.

Olha, uma rapariga toda bonita... Oh, mas a personalidade não transparece na sua maneira de vestir. Transparece sim... Então? É muito reservada não vês?... Olha aquela... Tem cá um cu, fonha-se. Veste-se bem, oh, quase dá para ver o que é... Olha... Aquela gosta de sair à noite e de se divertir... Bem, tanta rapariga bonita neste centro comercial men... Bora é ver roupas, daqui a nada tenho uma erecção e ainda se começam a rir por verem que é pequenina de mais. Bora? Ya...
Olha aquela com um par de mamas... Jazus o que eu fazia com aquilo...

Pensamentos:
"O... Que gaja tão linda... Papava toda. Não, calma. Gostava mesmo era de saber o nome dela e ouvir a voz dela e poder-lhe tocar na cara. Sim. Sem dúvida."
"
"Meu deus, olha está a olhar para mim... Eu adoro olhar nos olhos das pessoas aquela... Consigo ler-lhe nos olhos de que me queria tocar, poder ... Fazer coisas... Ai ela está-me a deixar com vontade de ir falar com ela, ai mas não posso tenho vergonha demais. Vou apenas olhar. Ai ela desviou, ficou tímida, ai, agora não olha... Olhou outra vez... Ai estou a derreter-me por dentro..."

Sentir é uma obra de arte, imaginação não seria nada sem ela.
As dores que me queimam o peito, passam para os olhos, tornando-os numa grande e negra pupila. O ar que me vai enchendo os recantos, serve de combustível para a sua fonte.

Sou imparcial aos momentos que nunca mais foram do que momentos...

Quem não gostar, não gosta. Sim, fui eu que escrevi isto tudo e sim, é quando ando sozinho pelo shopping e vejo aquelas gajas todas bem vestidas e todas bonitas a passar por mim. Sim, excita mais o cérebro do que o dito cujo. Gosto de ser assim. Sou vazio. :D

9 comentários:

  1. Acho que o que não excita o cérebro pode excitar muitas outras coisas mas fica vazio. É o cérebro e o coração, órgãos que precisam de estímulos contínuos.

    Acho que davas um bom psicólogo (:
    Nunca me fizeram as perguntas certas, as que eu sei que dariam A resposta mas que teimo em esconder. Esconder de quê? Nunca quiseram saber! Nunca perguntaram o importante, o considerável...

    Sim dás-me consultas grátis e eu quando for cirurgiã também xD

    ResponderEliminar
  2. Sim, tens realmente toda a razão. Também adoro isso :)

    "Só de olhar..." dá arrepios :P
    É bom estarmos no centro comercial, ir vendo lojas e por vezes surgir alguém :)

    Elo.

    ResponderEliminar
  3. São boas perguntas, eram capazes de resultar. Pelo menos um flashback de momentos inóspitos ou felizes, dos bons e dos maus passou por mim... Pelo menos o coração tentou saltar fora para gritar que não, não está silencioso.

    Davas mesmo um bom psicólogo.

    ResponderEliminar
  4. Mais do que isso, o passado está nos sonhos de todas as noites, nos pesadelos. Vive lá ocupando o lugar do presente. E já nem o distingo, é como viver duas vidas.

    Sim, quero que me caminhem comigo, mas não preciso que me sufoquem. Sei onde está o caminho e tenho pés para o seguir e mãos para o (d)escrever . Gosto de apreciar coisas bonitas, como a vida e os sorrisos, mas o que me rodeia hoje são fantasmas. Há dois anos, quase dois anos de estúpidas terapias, e ninguém os leva embora.

    Viste isso tudo no que escrevi ?

    ResponderEliminar
  5. Mas eu gosto de os trazer comigo, apesar de não os querer aqui.

    Sim, os anti-depressivos já se foram há uma semana, a depressão partiu antes, há uns valentes meses. Ninguém pode sorrir por mim não é ?

    Obrigada (: E tu, tu és um bom psicólogo =D

    ResponderEliminar
  6. Eu sei que sou forte. Só não sei se sou suficientemente forte para remover as pontes que me ligam ao lugar mais feliz da minha vida, mesmo que esses laços se estejam a degradar. Foi um bom passado, e morreu. Devia ser para sempre, mas foi-se num sopro.

    ResponderEliminar
  7. Ao encarar aquilo que me persegue todos os dias já estou a arriscar. Naa, não sou uma coitadinha, e ainda bem que percebeste isso, sem bem o que quero e onde quero chegar. Sei bem que vou conseguir e quem vai estar ao meu lado. Só tenho recantos difusos, lugares degrados e despreenchidos de algo que eu não sei bem o que é mas sei que já tive e há muito se foi. Aquilo que eu preciso eu vou encontrar, com tempo e espaço. Mesmo assim eu vivo ao máximo. Estou onde devia estar.

    Sim, disseste tudo (: E agradeço o tempo e a compreensão.

    Aquilo que eu preciso de ouvir ninguém me pode dar assim ... por muita boa vontade que tenha (:

    ResponderEliminar